segunda-feira, fevereiro 01, 2010

Mulheres no Mecânico

Escrito por Naiara às segunda-feira, fevereiro 01, 2010
Reações: 
Coisa Agradável é uma mulher ter que ir a um mecânico. É péssimo ter que passar na porta deles como passante, mas quando se entra para algum serviço, o tratamento é digno de uma princesa, são atenciosos, eficientes, e com ótimo papo. Acredito que para as mulheres que tem fetiches com essa profissão devem arrumar um pretexto para ir nessas oficinas periodicamente, só para terem aquele tratamento que os namorados não conseguem nos dar.

Hoje foi um destes dias que me dediquei a cuidar do meu carro, e lógico do meu ego. Primeiro fui ao mecânico aqui de Ouro Preto para olhar minha seta de antera que não estava funcionando, pedi para dar uma olhada geral nele, e adivinha: Encontraram algo para arrumar. Esta é a parte chata de se ir a uma oficina, sempre encontraram algo a ser melhorado no seu carro, e quando este é um fusca de 40 anos é mais fácil ainda. A gentileza foi extrema, deixou eu acompanhar cada desmonte das pecinhas no carburador que tava sujo para caramba! o cheiro de óleo e lubrificantes me lembram de quando eu fazia estagio em uma oficina, o aroma pode causar-me alergia, mas como é gostoso e nostálgico.

Serviço feito, carro bem melhor, porem lá se vai meu dinheirinho, já que o serviço não foi nenhum pouco barato. Tudo bem, homem nenhum entende que é aceitável pagar por ter atenção e com isso ainda levar um carro bem melhor do que quando ele chegou lá.

Próximo passo, outra oficina mecânica, mas dessa vez em Mariana, cidade vizinha a Ouro Preto. Andei comprando borrachas novas para meu fusca, e nada mais aceitável do que colocá-las para ele ficar muito mais bonito do que já é!

Chego lá, oficina cheia de carros, e pessoas, olho para o lado, e vejo uma cara lindo trabalhando em um automóvel. Ele era aquele tipo de homem magro que rouba meus olhares, pois é, não tenho vergonha de assumir que as vezes me baixa um espírito de conquistadora barata, que não leva a nada, mas me divirto em exercitar, e lá estava eu olhando o rapaz. Dirijo-me até o balcão de atendimento para ir atrás do que eu realmente precisava, e lá eu vejo o sinônimo de homem bonito. Viva os Homens que se esquecem de fazer a barba por umas duas semanas e aposentam a tesoura por alguns meses! Ele era Lindo!!! Além de ser um ótimo atendente! Meninas acreditem, levar o carro para dar um passeio nas borracharias de Mariana é diversão para suas retinas que estão cansadas de ver mesmices todos os dias.

O que não foi nada agradável foi saber o quanto terei que pagar pelo serviço! Deus Amado, as vezes me pergunto se ser amante de fusca não custa muito caro para minha situação econômica de estudante universitária. Mas fazer o que? Deixar ele feio é que não vou, e alem do mais, o mecânico que cuidará dele é tão lindo que vale a pena!
Quinta feira eu volto àquela cidade maravilhosa para buscá-lo, e se der para trazer o homem no bando do passageiro eu volto com ele também!

Que besta eu sou!

Então fica assim, o fim deste dia de arrumações automobilísticas em gerais!

Da próxima vez que seu namorado precisar ir ao mecânico, tenho certeza que vocês se disponibilizarão para que o serviço seja bem feito, e que ele não precise se preocupar com o assunto, você leva o carro para ele!

0 Comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela presença!!
Muitos Sonhos,
Viva sua Loucura
e fique atento a Realidade!

 

Sonhos Loucura & Realidade Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos