quinta-feira, dezembro 10, 2009

I Like... tanta coisa...

Escrito por Naiara às quinta-feira, dezembro 10, 2009
Reações: 
Hoje é dia de falar de alguma coisa que eu gosto, mas eu tenho estado tão, mas tão cansada, estressada, e de TPM, que estou mais pensando nas coisas que eu detesto do que algo que me atinja felizmente e que me faça acalmar. Tudo bem que eu posso ainda sim citar algumas coisas que se acontecessem até que faria com que eu saísse deste estado e ficasse um pouquinho mais calma.

Eu gosto de quando o computador não trava. Eu preciso tirar uma versão antiga do Nero do PC da republica que não sai nem com todos os meus golpes de ninja, e agora eu rezo para que a nova versão (é a 2ª que baixo na ultima hora) elimine esta que me da dor de cabeça!

Eu também gosto de quando as pessoas fazem silencio. Sei que para alguém como eu pedir uma coisa dessas é quase um crime hediondo ou uma calunia sem tamanho, mas como exigir de mim mesma quando o mundo não se cala, e em geral cantarola musicas tão desafinada que me dão nos nervos? Eu realmente gosto de um silencio e um momento só comigo mesma às vezes. Incrível como eu fico feliz com a minha presença por inteiro e com total atenção aos meus pensamentos!

Eu também gosto de quando eu tenho certeza de minha nota! Eu penso que estes sofrimentos passageiros da faculdade são para preparar para um futuro bem pior, mas pqp, não quero ficar dependendo de uma professora recém chegada, que ficou enrolando o período mais do que eu poderia prever, e depois quando libera a nota do final de período, não coloca a minha na lista! Eu não quero ter que fazer uma final sendo que eu fiz o que era necessário durante o período, e também não quero ter que repetir essa maldita disciplina chata pra cacete no período que vem, onde obrigatoriamente eu só teria três disciplinas!

Eu gosto de quando eu tenho paciência, mas estes momentos são tão, mas tão raros na minha vida que me fazem cometer muitos erros de precipitações!

Outra coisa que me agrada muito é quando a porta do meu carro abre por dentro. Tudo bem que fui eu mesma que escolhi um modelo tão antigo e eu sabia muito bem que coisas deste gênero (para pior) poderiam acontecer a qualquer momento, mas eu realmente não suporto ficar tendo que fazer acrobacias dentro de um fusca para conseguir abria a porta do lado do motorista!

E eu gosto de quando eu tenho autonomia na minha vida. Apesar de toda a forma que dou aos meus próprios caminhos e as decisões que eu tomo, sempre existe alguém ou algo por trás de minhas ações, e parece que sempre vai ser assim, um personagem a se fazer, alguém para me ceder o dinheiro que vou gastar as palavras que vou dizer que não vai magoar ninguém! Sempre parece que tudo que eu faço é apenas uma extensão do que alguém queria que eu fizesse por ele, e nunca das minhas verdadeiras necessidades.

E gostaria muito de saber a onde está toda a auto-estima que eu tra(zia) dentro de mim.

0 Comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela presença!!
Muitos Sonhos,
Viva sua Loucura
e fique atento a Realidade!

 

Sonhos Loucura & Realidade Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos